Unidade de Gestão e Formação

Procure seu curso:

Pós-Graduação

Extensão

Presencial | A Distância

0300 10 10 10 1
Busca Rápida

Queimadura por Folha de Figo - Por Dra Maria Cristina Serra

27/10/2011

Queimadura por Folha de Figo - Por Dra Maria Cristina Serra

Beleza e saúde são dois grandes desejos da sociedade moderna, em um país tropical como o Brasil tais itens se confundem com coloração de pele morena e bronzeada. Paradoxalmente, enquanto campanhas insistem no uso de loções protetoras da pele para prevenção de doenças dermatológicas  muitas pessoas na busca de um corpo ¨saudável¨ experimentam produtos que bronzeiam.

Tem-se observado um aumento no número de pacientes vítimas de queimaduras graves por bronzeamento com chá de folha de figo. Estes produtos quando aplicados sobre a pele proporcionam rapidamente coloração morena que muitas vezes cede lugar a queimadura de profundidade variável com dor intensa, edema, hiperemia, bolhas e destruição cutânea. Tais queimaduras ocorrem pela interação de raios ultravioleta, principalmente UVA, com componentes fotossensíveis destas plantas como o bergapten e psolaren. Este último apresenta maior concentração e é o principal responsável pelo dano celular. Além disso, o chá de folha de figo contém enzimas como amilase, lipase e protease, que intensificam o quadro de dano tecidual.

Como exemplo, paciente, 15 anos, que utilizou chá de folha de figo de fabricação doméstica, deu entrada no CTQ-A, 72h após aplicação do chá no corpo, com queimadura de 2º grau superficial e profunda, ocupando aproximadamente 40% da superfície corporal

Dra Maria Cristina Serra

Professora da UGF

Chefe do CTQ-A do HMSA




» Todas as notícias

Notícias Relacionadas






Cursos por Cidade






Nuvem de Tags

Gama Social - Redes Sociais Phorte TV
Unidade de Gestão e Formação |
| .Contato: academico@posugf.com.br