Unidade de Gestão e Formação

Procure seu curso:

Pós-Graduação

Extensão

Presencial | A Distância

0300 10 10 10 1
Busca Rápida

A Construção Civil está em alta, mas faltam engenheiros para o mercado de trabalho

18/09/2011

A Construção Civil está em alta, mas faltam engenheiros para o mercado de trabalho
A procura se deve ao "boom" do setor para reestruturação do país para a Copa do Mundo e as Olimpíadas

    Faltam engenheiros no mercado de trabalho, e essa escassez de profissionais se deve às mudanças na infraestrutura do País, que está se adaptando a todo vapor para receber a Copa do Mundo em 2014 e as Olimpíadas em 2016. 
    O mercado oferece um diversificado leque de oportunidades: os profissionais podem atuar tanto no setor público, nas esferas municipais, estaduais ou federais, quanto no setor privado. Há ainda a possibilidade de seguir a carreira militar. Nas forças armadas, a maioria das vagas se concentram no Exército, mas também há oportunidades na Marinha e na Aeronáutica. 
    Entre os recém-formados, quase não há casos de desemprego. Geralmente, entre o quarto e último ano os estudantes já têm carteira assinada. A área de engenharia tem alta demanda, que tem a ver com o investimento que o governo faz em grandes obras.
 
Perfil 
    O engenheiro deve saber trabalhar em grupo, pois ele pode trabalhar tanto nos escritórios como nos projetos ou atuar em campo. Ser individualista foge totalmente do perfil de quem quer seguir na área.
 
Graduação
    O curso de engenharia tem duração de 5 anos, sendo que os dois primeiros são dedicados ao estudo de física, matemática e ciências, que são a base da formação e ajudam o engenheiro a ter raciocínio lógico mais rápido quando for atuar em campo.     Nos outros três, os alunos estudam mais a parte profissional e os segmentos dentro da carreira. Este período, somado aos laboratórios realizados durante curso, ajudam o estudante a ter uma ideia de qual especialização escolher na área.
 
   No início de carreira, o engenheiro ganha, em média, seis salários mínimos, o equivalente a R$ 3.270,00, piso estabelecido pelo CREA ? Conselho Regional de Engenharia e Arquitetura ? para uma jornada de seis horas de trabalho.
 
Especialização em Engenharia
   A UGF oferece cursos de pós-graduação lato sensu e extensão universitária em Engenharia. A proposta inovadora dos cursos fará com que o candidato ofereça um diferencial para o mercado de trabalho.

A UGF oferece ampla infraestrutura e as aulas são ministradas por profissionais renomados.




» Todas as notícias

Cursos Relacionados



Notícias Relacionadas






Cursos por Cidade






Nuvem de Tags

Gama Social - Redes Sociais Phorte TV
Unidade de Gestão e Formação |
| .Contato: academico@posugf.com.br